4 April, 2019

Sesc participa de homenagem ao Dia Mundial das Áreas Úmidas

 A RPPN do Sesc Pantanal: a maior do país

Crédito: Carolina Braga/Gecom CNC

A RPPN do Sesc Pantanal: a maior do país, também designada como Zona Núcleo da Reserva da Biosfera do Pantanal pela Unesco

O Sesc estará presente na Sessão Solene em Homenagem ao Dia Mundial das Áreas Úmidas, realizada em 4 de abril, no Plenário Ulysses Guimarães, em Brasília. O convite foi feito pela Câmara de Deputados, dada a participação do Sesc Pantanal no Comitê Nacional de Zonas Úmidas (CNZU) como representante dos 27 Sítios Ramsar brasileiros, áreas designadas como zonas úmidas de importância internacional. A Gerente de Pesquisa e Meio Ambiente do Sesc Pantanal, Cristina Cuiabália, representará a instituição, compondo a mesa de cerimônia. 

“É uma iniciativa de grande importância para o fortalecimento desta política internacional da qual o Brasil é signatário. Por meio da Convenção de Ramsar, hoje o país possui a maior área de Sítios Ramsar do mundo, são mais de 25 milhões de hectares, o que equivale a 10% de toda a área úmida assim designada no planeta. Na mesma proporção, os desafios para implementação destas áreas são amplos, diversos e demandam esforços de toda a sociedade", pontua Cristina Cuiabália. 

O Dia Mundial das Áreas Úmidas foi instituído em 1997 pelo Comitê Permanente da Convenção de Ramsar, com o objetivo de estimular ações e atividades que chamem a atenção da sociedade para a importância da preservação de tais regiões. Neste contexto, o Sesc Pantanal atua na conservação de uma amostra significativa do Pantanal Matro-grossense, uma das maiores áreas úmidas continentais do planeta, por meio de sua Reserva Particular do Patrimônio Natural. Com 108 mil hectares, a RPPN é a maior do país, também designada como Zona Núcleo da Reserva da Biosfera do Pantanal pela Unesco. 

Além da conservação da biodiversidade, a RPPN Sesc Pantanal contribui para a geração de conhecimento sobre o bioma, por meio de mais de 140 publicações científicas e apoio aos quase 170 pesquisadores provenientes de 50 instituições de ensino e pesquisa parceiras. Também atua na educação ambiental junto aos cerca de 30 mil turistas que anualmente visitam o Hotel Sesc Porto cercado, situado às margens da Reserva. 

Situado nos municípios de Barão de Melgaço, Poconé e Rosário Oeste, o Sesc Pantanal tem se tornado referência em educação, conservação da natureza, pesquisa científica e turismo ecológico. Sua presença na região gera empregos e beneficia a população com serviços nos campos da educação, saúde, cultura e lazer. A atividade socioambiental alcança as comunidades rurais, ribeirinhas e urbanas, próximas ou dentro do Pantanal norte, sempre com total respeito às tradições e manifestações culturais e ao modo de vida dessas populações.

Comments

0

Os comentários serão moderados, portanto evite o uso de palavras chulas, termos ofensivos ou comunicação vulgar. Se tiver alguma dúvida sobre o tema abordado aqui, use a nossa Área de Atendimento. Talvez a resposta já esteja lá.

Post new comment

The content of this field is kept private and will not be shown publicly.